Follow by Email

sexta-feira, agosto 28

Texto Complementar

Texto Complementar

Texto para leitura e reflexão do instrutor. Ele proporcionará base para a condução de suas aulas.

Assertividade
Vez por outra nos deparamos com pessoas invejavelmente produtivas, felizes e capazes de resolver seus problemas. Nos momentos mais difíceis são capazes de atuar com simpatia e seriedade. Gostam de si mesmas, respeitam os outros, são respeitadas e admiradas. Todas elas apresentam uma característica comum que estudaremos a seguir: a assertividade.
O que é assertividade? É um termo que se refere à maneira como as pessoas comunicam às outras o que sentem e o que pensam.
Comportamento Assertivo
É o comportamento que torna a pessoa capaz de expressar sentimentos sinceros sem constrangimentos, de agir em seus próprios interesses, a se afirmar sem ansiedade indevida, a exercitar seus próprios direitos sem negar os dos outros. Quando expressa o afeto, compreensão ou entusiasmo, por exemplo, o faz sem bajular ou humilhar. Se expressa raiva, o faz sem ofender, levando em conta que a raiva é uma emoção sua, não importa o que o outro tenha feito.
A pessoa assertiva considera, adequadamente, tanto seu valor quanto o das pessoas com quem se comunica. Leva em conta toda a alternativa de comportamento, planifica a melhor abordagem do problema e então age.
O comportamento assertivo é o que produz melhores resultados nas relações interpessoais. Tornar-se mais assertivo é um processo de aprendizagem. Ouvir a si mesmo, descrevendo as relações com as pessoas que são importantes para você, é uma maneira de auto-avaliar-se e verificar se o seu comportamento é assertivo ou não.
Características de indivíduo que apresenta comportamento assertivo:
a)
tem controle de si e das relações interpessoais;
b)
é confiantes, capaz, seguro;
c)
é espontâneo e sincero nas formas de expressão;
d)
é respeitado e admirado por outros.
44
Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Esportes
Comportamento Não-Assertivo
É quando a resposta apropriada vem depois que a oportunidade passa. No momento a pessoa não se manifesta, fica calada e depois se arrepende por não ter atuado. É sinônimo de expressão inibida. Os desejos e as preferências individuais são encobertos. Insinuações podem transparecer, mas não existem claras afirmações sobre o que a pessoa realmente deseja. A individualidade é sacrificada e as realizações pessoais certamente ficarão comprometidas. Sua preocupação maior é: “o que os outros vão pensar de mim?”.
Se os demais identificarem seu estilo de comportamento, é muito provável que uma pessoa dessas não venha a ser considerada para uma posição que envolva um maior grau de desafio.
Características de indivíduo que apresenta comportamento não-assertivo:
a)
é incapaz de afirmar seus direitos e agir conforme seus sentimentos;
b)
está sempre atendendo os desejos dos outros;
c)
sente culpa quando nega algo a alguém;
d)
não tem idéias próprias;
e)
está sempre com medo;
f)
possui a auto-estima muito baixa;
g)
está sempre muito ansioso, podendo até apresentar sintomas psicossomáticos como dores de cabeça, asma, problemas gástricos, fadiga geral;
h)
tende a dar pouco valor a si mesmo e excessivo aos outros.
Comportamento Agressivo
É comum confundirmos o comportamento agressivo com o assertivo. No entanto, é importante diferenciá-los: a pessoa de comportamento agressivo prejudica o outro em suas ações, é fechado e inflexível, preocupando-se apenas com os seus direitos. Sua resposta é vigorosa, causando uma forte impressão negativa e, às vezes, arrependimento por ter agredido a outra pessoa. Os indivíduos chegam a um ponto onde não podem conter suas próprias emoções. Fazem acusações, perdem a paciência e manifestam confrontação hostil.
Geralmente, o comportamento agressivo desconsidera os sentimentos e preferências dos demais. A agressão não traz resultados positivos porque não envolve reflexão e planejamento. As mensagens válidas acabam ficando anuviadas/embaçadas e há maiores mal-entendidos.
As pessoas que agem agressivamente não param para pensar e nem consideram as possíveis conseqüências dos seus atos e as reações que desencadeiam, não assumindo a responsabilidade por seus atos.
Procuram atender a si em primeiro lugar, não se preocupando se prejudicarão o outro. Assumem uma postura egoísta, pouco ética e inadequada. Seu objetivo é impor-se, é ganhar. Buscam freqüentemente fazer o outro inferior a si. Consideram que eles têm muito valor e tendem a dar ao outro menos valor do que têm. Estão sempre prontos a dizer não, se isto afasta o outro dos objetivos que só eles querem alcançar. 45
Competências Básicas para o Trabalho
Características de indivíduo com comportamento agressivo:
a)
parece ter muita autoconfiança, controle de toda situação, ser forte e capaz de lidar com a vida de acordo com sua maneira;
b)
domina as conversações, desfaz da opinião dos outros e sua palavra ou decisão é a que prevalece;
c)
irrita-se diante de críticas; uma leve ameaça provoca uma explosão;
d)
está, freqüentemente, carrancudo, triste e ansioso; tem poucos amigos e é pouco estimado;
e)
necessita de afeição e aceitação, mas não sabe dar ou recebê-las;
f)
suas tentativas de relacionar-se terminam sempre frustradas, devido a seu comportamento abusivo;
g)
está sempre julgando.
Assertividade Depende da Situação
Algumas pessoas são altamente assertivas no trabalho, com seus colegas de equipe e muito pouco assertivas em casa ou no clube, quando se mostram agressivas ou tímidas. Se fizermos uma reflexão sobre nossa vida, poderemos encontrar situações e lugares onde somos ou deixamos de ser assertivos.
Podemos ser Assertivos com umas pessoas e não com outras
Quantos de nós somos muito assertivos com os amigos e nada com nossos pais ou irmãos! Quantos perdem a capacidade de assertividade diante de figuras de autoridade, por exemplo. O mesmo pode ocorrer com nossos colaboradores ou filhos que manipulam nossos sentimentos. Por isso é importante refletirmos também a respeito das pessoas com as quais conseguimos ou não ser assertivos.
Podemos ser assertivos para expressar certas emoções e não outras
Muitos de nós não sabemos expressar assertivamente as cinco emoções humanas básicas: medo – alegria - raiva - tristeza - afeto.
É importante estarmos atentos para identificar qual ou quais dessas emoções são mais difíceis de serem administradas no dia-a-dia. Pense nisso! 46
Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Esportes
Exemplos de Comportamentos

Situação
Marly é chefe de um departamento e vem enfrentando sérios problemas com seus funcionários, que reclamam dos salários e das más condições de trabalho. Marly também não se sente satisfeita, não encontra espaço para desenvolver seus trabalhos, pois a diretoria é autoritária e não dá abertura para a realização de novos projetos.
Certo dia, um diretor perguntou a Marly se tudo estava correndo bem em seu departamento.

a)
Comportamento não-assertivo

Marly responde ao diretor que tudo está correndo bem e em dia, mas fica com sentimento de culpa por “não abrir o jogo” e tentar mudar a situação. Mas também tem medo de ser prejudicada na empresa devido ao autoritarismo da diretoria.
b)
Comportamento agressivo

Marly responde, alterando o tom de voz, que tudo vai mal, que não está satisfeita e está pensando em sair da empresa por causa da incompetência e autoritarismo da diretoria.
c)
Comportamento assertivo

Marly aproveita a oportunidade dada pelo diretor, o convida para sentar e expõe a ele a situação de seu departamento, fala de sua insatisfação e dá sugestões para melhorar o ambiente de trabalho.
Material Elaborado por Maria de Lourdes Ribeiro
Curso Auto-estima e Qualidade de Vida
Postar um comentário